Em 2019 já ocorreu a aplicação de inseticida em locais de maior infestação do mosquito Aedes Aegypti - Crédito: Prefeitura

Nesta semana, foi detectado o primeiro caso de dengue em Bom Princípio neste ano. Por isso, a Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social já determinou a aplicação de fumacê na região da Vila Schmitz, provável ponto de contágio, para conter a proliferação do mosquito Aedes aegypti, causador da doença.

O fumacê é uma estratégia encontrada pelo governo para controlar as populações de mosquitos. Uma equipe vai passar com um carro que emite uma espécie de nuvem de fumaça com baixas doses de um inseticida, o qual elimina a maior parte dos mosquitos adultos. Mas esta estratégia só é utilizada com a autorização e acompanhamento de técnico do Estado e em condições climáticas favoráveis.

Conforme a Vigilância Ambiental do município, o fumacê será aplicado na semana que vem, a partir das 16h, na área inferior do Parque Municipal e em um diâmetro de aproximadamente 400 metros em torno do parque, conforme determinação dos técnicos responsáveis. Será aplicado em três dias intercalados, mas as datas das aplicações ainda não estão definidas.

As datas serão divulgadas nas redes sociais e também pelos agentes de saúde, que irão acompanhar as aplicações e dar todas as orientações aos moradores.

A equipe de endemias e agentes de saúde vinha alertando que a população precisava redobrar os cuidados, ainda mais neste momento em que a dengue já é um surto em muitos municípios do Estado e inclusive da região. Agora, o pedido é para que se fique atento a todo e qualquer recipiente de água parada, que se utilize repelente e se procure ajuda médica se surgirem sintomas.

Fumacê

Os moradores dos arredores do Parque Municipal – na região da Vila Schmitz – devem ficar atentos. Além de na segunda-feira de tarde, o fumacê deve ser aplicado também na quarta-feira e em mais um dia da semana que vem.

A Vigilância Ambiental do município pede que um morador esteja em casa no momento da aplicação, para que se possa chegar até no jardim ou quintal da casa. A informação é que o produto novo que está sendo aplicado em todo Estado é bem menos tóxico para as pessoas que o pulverizado nos anos anteriores, mas é preciso seguir algumas orientações.

Orientações para os moradores:

– O inseticida Cielo – utilizado no fumacê – é espalhado por uma máquina que vem do governo do Estado e que transforma o inseticida em uma névoa com gotas muito pequenas, capazes de flutuar no ar e matar os mosquitos.

– É necessário abrir portas e janelas da casa para que o inseticida alcance os mosquitos que estão no interior da casa.

– É preciso cobrir os alimentos dentro da casa, os filtros de água, tirar as roupas do varal, cobrir as gaiolas de passarinhos.

– Pessoas com problemas alérgicos, respiratórios, em situação de saúde precária, crianças, idosos, gestantes e animais domésticos devem evitar de ficar na frente da casa por uma hora após a aplicação.

– Para esclarecer dúvidas, os agentes de saúde estarão passando nas casas. Os moradores também podem contatá-los para receber mais informações.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here