Comunidade deve separar o lixo para facilitar a coleta - Créditos: Alex Steffen/Prefeitura

Aproveitando recursos do Fundo do Meio Ambiente, foram adquiridos cinco conjuntos de containers para a seleção do lixo. Os containers foram instalados na semana passada, junto aos cordões de calçadas, no centro de Bom Princípio.
Segundo a biólogo Sabrina Maurer Schuh, que responde pela área ambiental do município, como o recolhimento do lixo dos containers é feito de maneira mecanizada, eles não podem ficar sobre as calçadas, mas na margem das ruas.
O sistema de recolhimento de lixo por container já existe em algumas cidades do Vale do Caí, como Feliz, São Sebastião do Caí, Montenegro e Salvador do Sul. É importante as pessoas utilizarem fazendo a devida separação em suas casas e colocarem o lixo dentro do container correto. O recolhimento do lixo, segundo os dias programados, segue igual, mas com a existência dos containers fica facilitada a colocação do lixo. “Estamos fazendo um grande esforço mas os moradores precisam fazer a sua parte, separando dentro de casa o que é seco e o que é orgânico”, destaca o secretário da Agricultura e Meio Ambiente, Volmir Hauser.

Primeiramente foram instalados os conjuntos no centro da cidade, para depois ir para os bairros também. “O custo é bastante elevado, mas o benefício de tal sistema é grandioso, facilitando o trabalho de todos”, frisa Sabrina.

No ano passado a bióloga junto com o vice-prefeito João Weschenfelder e o secretário Volmir Hauser, acompanharam a rota do lixo, percebendo que em boa parte das residências não há separação dos dejetos, sendo misturados orgânico e seco.

As vantagens

Entre as vantagens do novo sistema de coleta é que os resíduos poderão ser descartados nos contêineres em qualquer hora e dia da semana, pois os mesmos ficarão fechados. Este sistema ainda facilitará a organização e a coleta pela empresa responsável. O sistema contribuirá para o desenvolvimento urbano da cidade trazendo inúmeros benefícios à população. Entre os benefícios está a eliminação de odores devido ao acúmulo de resíduos e de poluição visual, redução da proliferação de insetos e animais transmissores de doenças e evitar o contato da população com o lixo. A instalação de containers permite um recolhimento seguro, prático e ágil por conta dos caminhões. O descarte dos resíduos é mais eficiente sem o perigo de danos ambientais e por serem fabricados com material de qualidade os containers de resíduos possuem maior durabilidade.

Além da praticidade para quem recolhe os resíduos, os containers facilitam também para os usuários, que não deixam sacos e sacolas de orgânicos ou recicláveis nas ruas ou em casa aguardando a passagem do caminhão. Os containers estão devidamente adesivados, com a identificação de qual resíduo será colocado. Os containers azuis serão utilizados para resíduos recicláveis, portanto o conhecido lixo seco. E os marrons irão ser local de depósito do orgânico. Tudo devidamente separado e orientado, conforme a ideia de sustentabilidade ambiental que no mundo vigora.

De acordo com a bióloga, Sabrina Maurer Schuh, aos moldes do que ocorrem em outras cidades brasileiras, os containers são instalados de modo que as pessoas possam dispor o lixo devidamente separado em cada compartimento, assim, o caminhão, faz o recolhimento de maneira mais dinâmica e organizada. Ao acompanhar a separação de lixo vindo de Bom Princípio, percebe-se, ainda, que há muita mistura entre orgânico e seco, o que acaba comprometendo a reciclagem como um todo. Com o sistema de containers, e contando com a colaboração da comunidade que faz a separação correta em suas casas, muito do material pode ser reaproveitado, como garrafas e papeis.

 

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here