Assim como já aconteceu no Mambuí (foto), no Bom Fim, Nova Colûmbia e Passo Salseiro também terão novos asfaltamentos - Crédito: Prefeitura

A realização de três licitações, em especial, eram muito aguardadas na prefeitura de Bom Princípio durante o mês de setembro. E assim ocorreu, sendo definida a empresa que executará as obras. Mesmo que sejam três pavimentações diferentes, e três licitações diferentes, uma mesma empresa saiu vencedora. A Coesul, que tem sede em Porto Alegre, representada por seu diretor, firmou nesta quarta-feira, dia 25, o contrato com o município para a realização das três obras de asfaltamento.

Seguindo a ordem de licitação, a primeira obra a ser iniciada será na localidade de Nova Colúmbia com uma extensão de 1415 metros. Esta pavimentação vai do final da estrada Hugo Afonso Engerhoff em direção ao município de Barão. Muitas famílias serão beneficiadas. A obra em questão terá custo de R$ 1.685.689,86.

Outra obra a ser realizada, no valor de R$ 1.740.984,20, será na comunidade de Bom Fim Médio, com uma extensão de 1908 metros lineares.

A terceira das obras é na localidade de Passo Salseiro, com extensão de 900 metros. Esta terá um investimento de R$ 1.270.982,57.

De acordo com o setor de licitações da prefeitura, com o pregão eletrônico realizado, o valor inicial foi reduzido consideravelmente, possibilitando uma economia elevada, de aproximadamente, R$ 850 mil.

No ato de assinatura das obras, com a presença do secretário da Fazenda, Jacob Adelmo Baumgratz, do secretário de Infraestrutura, Canísio Remi Backes, do responsável pelo setor de engenharia, Raul Welter, do vice-prefeito Joãozinho Weschenfelder e do prefeito Fábio Persch, além do representante da empresa, ficou acordado que as obras serão realizadas de maneira simultânea e continuada, de modo que se inicie em Nova Colúmbia e as equipes da Coesul realizem obras em todas as frentes. “Quando estiver pronta a parte de infraestrutura e escoamento de uma das obras, logo esta equipe poderá ir à obra, iniciando-se o processo de colocação da base. As obras caminharão em conjunto”, destacou Canísio Remi Backes.

O prazo de execução das obras é de seis meses, mas os responsáveis pela empresa acreditam que seja possível concluir os trabalhos antes disso. “Dependemos das condições climáticas, afinal, não queremos acelerar os processos. Tudo tem o seu devido tempo, de modo que a obra tenha uma excelente qualidade”, pontuou o representante da empresa.

O prefeito Fábio Persch reforça ainda que outras obras estão previstas e, inclusive, licitadas, como a pavimentação regular na localidade de Paraíso. “Vamos avançando de maneira gradual, assim, não estipulemos prazos exatos, mas o certo é que essas obras serão feitas no decorrer dos meses”, pontuou o prefeito. “Já no decorrer do mandato foram feitos asfaltamos na rua dos Gerâneos e no Mambuí, além de muitas pavimentações comunitárias. Agora serão três obras de asfalto sendo iniciadas em outubro, e outros projetos encaminhados. Acreditamos ser possível, no começo do ano que vem, estar fazendo outras obras de grande importância para as comunidades”, aponta Joãozinho Weschenfelder, dizendo que projetos estão em andamento devendo ser anunciados dentro em breve.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here