Abertura da CPI foi aprovada por unanimidade - Reprodução/FN

Em sessão da Câmara realizada na noite desta segunda-feira, dia 29, por unanimidade os vereadores de Bom Princípio aprovaram a abertura de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) para apurar a aplicação dos recursos destinados através de contrato entre o município e o hospital São Pedro Canísio.

Todos os nove vereadores já tinham assinado o termo protocolando o pedido de abertura de CPI. Isso ocorreu no último dia 16 de novembro, após ter sido arquivada solicitação da bancada do MDB de envio de requerimento a direção do hospital pedindo o afastamento da diretora, a ex-primeira-dama Adriana Schvade Seibel, sob alegação de que ela está envolvida na investigação policial que ocorre na cidade de Canela, onde atuava na gestão do hospital e na Prefeitura. A assessoria jurídica do legislativo emitiu parecer de que o requerimento não se enquadrava no regimento interno da Câmara e por isso foi arquivado. O MDB então entrou com pedido de abertura de CPI, que foi aprovado.

Após a aprovação, os líderes de bancada de cada partido indicaram os nomes de membros para compor a comissão. Foram escolhidos como componentes titulares: Fábio Juwer (MDB), Renato Krewer (PSDB) e Beatriz Inês Bohn (Progressistas). Os três devem se reunir para decidir as funções, incluindo quem será presidente e relator da CPI, além do cronograma. E então devem iniciar os trabalhos, com depoimentos, análise de documentos e outras ações, para formar o relatório final.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here