Neste ano não tem Festa do Moranguinho, mas mesmo com a estiagem e cheias a expectativa é de uma grande safra - Crédito: Prefeitura

Na manhã da última segunda-feira, dia 10, aconteceu de forma simbólica à abertura oficial da safra de morangos de 2020 em Bom Princípio, O evento ocorreu na propriedade rural da família Seidl, na localidade de Paraíso, com a presença do prefeito Fábio Persch, vice-prefeito João Weschenfelder, secretário da Agricultura, Daniel Lermen, as soberanas do município e representantes da Emater.

Abertura foi simbólica, em propriedade no Paraíso
– Crédito: Prefeitura

Neste ano não terá a Festa Nacional do Moranguinho, com a próxima edição agendada para 2021, mas a expectativa é de uma grande produção. Mesmo com a estiagem e depois as cheias, conforme a secretaria municipal da agricultura a expectativa de colheita neste ano é cerca de 680 mil quilos, através de cerca de 80 famílias de agricultores familiares.

 

Terceira geração

A propriedade rural da família de Fabrício é, sem dúvida, um exemplo da sucessão de gerações na vida do campo. Fabrício, que é a terceira geração da mesma família atuando na propriedade, dá prosseguimento ao trabalho iniciado por seu avô materno Ilmo Alles, de seus pais e de seus tios. Assim, com a mão de jovens lidando com a terra mostram que é possível, manter e ampliar os trabalhos no campo com avanços tecnológico, associados à inspiração e transpiração. “Damos continuidade ao trabalho que foi iniciado há muitos anos, sendo o plantio de morangos importante para a nossa família e para o nosso município”, destacou Seidl, lembrando o trabalho do avô, do pai e dos tios que dedicaram seus dias à labuta rural.

Na propriedade, as soberanas da Festa Nacional do Moranguinho do ano passado, em meio à lavoura,  promoveram a colheita simbólica de moranguinhos, valorizando assim a atividade rural que é a marca registrada de Bom Princípio. Com a simbólica colheita feita pela rainha e princesas – Caroline Reuss, Andressa Henz e Daniela Flach, inicia-se a safra do ano, na esperança que os saborosos frutos possam adoçar um pouco os meses que restam deste 2020 tão diferente do que todos sonharam.

Alexandre Matusiak, extensionista da Emater, garante que o clima atual – mais quente durante o dia e frio a noite – tem favorecido o bom desenvolvimento das frutas, que deverão ter escoamento garantido no mercado, chegando doces, bem vermelhas e saudáveis ao consumidor. Com quase 50 anos de história neste cultivo, Bom Princípio é tida como a Terra Nacional do Moranguinho. A Emater/RS-Ascar, que atua por meio de parceria com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) do Governo do Estado, apoia os agricultores em todas as etapas de produção da fruta.

Cerca de 80 famílias produzem morangos em Bom Princípio
– Crédito: Prefeitura

De acordo com a Emater, que dá suporte aos produtores locais, a evolução se deu graças as melhorias como a introdução de estufas altas, que aumentaram a produtividade e possibilitam trabalhar em pé e cobertos da chuva – além de reduzir cerca de 80% a necessidade de insumos químicos. Além da própria produção orgânica, que conta com vários adeptos no município, e dos subsídios pagos pela prefeitura na compra de mudas importadas. “Cabe lembrar que além da Emater e da Secretaria Municipal da Agricultura, o Sindicato de Trabalhadores Rurais, e as associações (Bom Morango e Eco Morango) também não medem esforços pelo êxito do trabalho do setor primário, valorizando, em especial, o cultivo da fruta símbolo do município”, pontua o vice-prefeito Joãozinho Weschenfelder que, também, é produtor rural e cultiva morangos junto com seus familiares.

Não por acaso, praticamente 100% da produção bom-principiense é vendida in natura no Ceasa, em Porto Alegre, e em marcados da Região Metropolitana e Serra. E, também não por acaso, o produto é marca de Bom Princípio, com direito a um pórtico gigantesco, no formato da fruta, no Parque Municipal. “Vivemos dias diferentes de tudo o que conhecíamos até aqui de tal forma que precisamos nos adaptar. Nos afastamos das pessoas por precaução, mas jamais poderíamos nos afastar da nossa fruta símbolo, afinal, alimentação saudável e de sabor sem igual sempre fará parte de nossas vidas. Valorizamos, em especial, aos que cultivam a terra, que produzem alimentos, e assim, com a abertura da safra do moranguinho estamos reconhecendo o esforço de tantas famílias em trazer às nossas mesas o que há de melhor em Bom Princípio”, salienta o prefeito Fábio Persch.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here