No início do século XX, Dóris Schlatter foi mandado pelo pai, para estudar Medicina na Europa Arquivo/FN

Dona Olga Schlatter, que foi esposa do médico Theo Tássilo Schlatter (neto do fundador do Hospital Schlatter, de Feliz) publicou livro contendo memórias da sua infância e juventude. Parte do conteúdo do livro pode ser encontrado no blog Garibaldi 1085, organizado pelo jornalista Renato Mendonça, que é genro da autora.

O médico alemão Gabriel Schlatter fundou o hospital de Feliz, que foi continuado por seu filho e seu neto
Arquivo/FN

Theo Tássilo Schlatter nasceu na cidade de Feliz em 1930, formando-se médico em 1954 pela UFRGS. Trabalhou no Hospital Schlatter, legado de seu avô Gabriel Schlatter. Foi sócio-fundador do Lions Clube de Feliz. Faleceu no dia 7 de janeiro de 2007 por morte natural aos 77 anos. Foi casado com Olga Nedel Schlatter.

Dóris José Schlatter, filho de Gabriel, sucedeu o pai na direção do Hospital Schlatter e teve seu filho Theo como continuador
Arquivo/FN

Seu pai, Dóris José Schlatter, estudou medicina na Europa, tendo seus estudos financiados pelo pai, Gabriel, que nasceu e formou-se médico na Alemanha.

Os dois médicos, pai e filho, trouxeram para a região do Vale do Caí conhecimentos médicos adquiridos nas melhores escolas de medicina da época.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário
Please enter your name here